Jovens no facebook são propensos à transtornos alimentares!

Doenças que envolvem distúrbios alimentares, como bulimia e anorexia, são diretamente proporcionais ao tempo passado no site de relacionamentos Facebook, segundo um estudo divulgado pela Universidade de Haifa, em Israel.

Segundo o site redOrbit, o estudo avaliou basicamente os efeitos de dois fatores de distúrbios alimentares em jovens garotas: a exposição à mídia e a capacidade de resistência.

Para o estudo, a universidade tomou como base um grupo de 248 garotas cujas idades variavam entre 12 e 19 anos (em uma média de 14,8 anos).

Os pesquisadores pediram informações do que as meninas consumiam em internet e televisão, além de pedirem para que elas dessem um determinado número de programas que refletisse o modelo de corpo ideal

As garotas também responderam a questionários que mediam a aproximação de cada uma delas com o emagrecimento, bulimia, satisfação (ou insatisfação) física, consumo de comida e a capacidade de tomar decisões.

Os resultados indicaram que quanto mais tempo as garotas passam no Facebook, mais sofrem de distúrbios como bulimia, anorexia, insatisfação física, autoimagem negativa, rejeição à alimentação e dietas para perder peso.

A exposição extensiva a conteúdos de moda e música demonstraram tendências similares -mas se manifestaram em números menores de tipos de distúrbios alimentares.

fonte: Folha.com

About these ads

Um comentário sobre “Jovens no facebook são propensos à transtornos alimentares!

Comente...compartilhe suas ideias também!!! E lembre-se: Comentar não dói e faz uma blogueira feliz!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s