Qualidade de vida

Maternidade prazerosa…

Imagem retirada de Mãe Digital ( http://maeyz.blogspot.com/2011/02/profissao-mae.html )

Como estou barrigudinha já e ando para cima e para baixo com uma baixinha pendurada a tira colo sempre ouço perguntas e comentários como: “Como você teve coragem de arrumar outro?”, “Você acha fácil cuidar de uma criança?”, “Mas criar filhos é tão difícil.”, “Eu nunca mais quero engravidar!”, “Não penso em ter filhos nunca e você já vai ter o segundo!”, e sabe, isso me deixa meio triste.

Na maternidade entendi o que é receber um presente divino, quando o médico me entregou a Sophia senti que ele estava me entregando a coisa mais linda e mais especial do mundo e que naquele momento sim eu poderia dizer que estava viva, que estava cumprindo meu papel de mulher. E a mesma coisa eu senti quando vi o resultado de positivo desse segunda gravidez, sinto que a vida me presenteou, que Deus colocou nas minhas mãos uma herança.

Não entendo que seja difícil cuidar de filhos, é claro que existem algumas dificuldades, mas a maternidade é mais prazerosa do que difícil. É gostoso vê-los dormindo, ouví-los dizer MAMÃE, presenciar gracinhas, risos, o coração se enche com o riso de um filho. Talvez você pense que está tudo muito romântico e que passo os dias a viajar com a Sophia e com a gravidez em prazeres de algodão-doce. Não é isso, eu só prefiro guardar na memória e contar os momentos “delicinhas”.

Sim, eu nunca mais tive uma noite completa de sono, não sei mais o que é privacidade para ir ao banheiro ou tomar banho, não tive mais um prato de comida só para mim, não assisto mais um programa por completo na tv, não vou ao cinema a mais de ano, passei meses cheirando à leite materno e vômito de neném, durante as duas gravidez vomitei como uma condenada nos primeiros meses, não tenho tempo e nem pique para festinhas animadas que não seja de criança, não consigo manter minha casa organizada por mais de 5 minutos, sempre tropeço em um brinquedo ou até mesmo nela, minha casa vive com formiguinhas aproveitando os restinhos das bolachinhas de doces da Sophia…essas são as dificuldades em ser mãe, isso não mata ninguém, pelo contrário, nos fazem rir na maior parte do tempo. É claro que às vezes vou para o chuveiro e me coloco a chorar de cansaço, mas antes mesmo do fim do banho esse choro já foi embora e quando saio do banheiro e ouço aquela voz charmosa chamando por mim, aí que tudo é esquecido mesmo!

Ah, e tirando que algumas mulheres que disseram essas coisas aí falam que é muito fácil para mim porque eu posso passar o dia todo em casa com ela, mas quando eu tomei a decisão de ficar com ela eu abri mão de muita coisa, da minha profissão, de andar sempre na modinha, da minha “independência” financeira (se é que isso é normal depois do casamento), mas essas coisa não são importantes para mim. Meu marido não ganha tanto assim, tomamos a decisão de viver com o básico, não ter faxineira, passadeira entre outros, abrimos mão de alguns luxos. 

A questão é que maioria das mães que se queixam tanto são aquelas que se desgastam trabalhando para dar ao filho o que ele não precisa, existem prioridades na vida de uma criança e é muito mais importante para ela ser criada e ensinada pela mãe do que pela tia do hotelzinho, da creche ou a babá. Sinceramente, vejo na prática que filhos de mães que ficam em casa, sejam ricas ou pobres são mais calmos e saudáveis do que os filhos que são criados pelas tias dos hotéizinhos e creches. Entendo que algumas mães precisam sim trabalhar para colocar o básico dentro de casa, mas não são todas.Uma criança não precisa da roupa ou do brinquedo mais caro para brincar se ele tiver uma mãe e um pai por perto para se divertir com ele, vai por mim!

A maternidade pode ser prazerosa, só depende das suas escolhas e das memórias que você vai querer guardar para si mesma…Não tenha medo da maternidade nunca, independente da fase em que ela veio, pois ela é um presente que a vida entrega nas suas mãos.

Anúncios

5 comentários em “Maternidade prazerosa…

  1. Que legal seu blog Vanessa, parabéns. Planejo no ano que vem ser mãe também rsrs.
    Vou seguir seu blog sempre, e vou recomendar aos meus amigos. beeijos tudo de bom

    Curtir

    1. O Adriana, que bom que gostou, passe sempre por aqui e recomende sim, são só desabafos de uma aprendiz de mãe mas muita gente acaba compartilhando as mesmas experiências, é uma boa troca! Ah, e sobre ser mãe, vai fundo porque é a melhor coisa que acontece na vida de uma mulher!!! Beijos

      Curtir

Comente...compartilhe suas ideias também!!! E lembre-se: Comentar não dói e faz uma blogueira feliz!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s