Maternidade

Eu sou uma mãe má…quase uma Rochelle!

É isso mesmo, eu sou uma mãe muito malvada e explico porque, simplismente porque não quero que meus filhos sofram ou façam outros sofrer por causa de uma má criação, e penso que uma mãe que quer educar bem seu filho tem sim que ser má…como assim?Sabe quando seu filho quer muito uma coisa mas não é hora? Ele te olha, e vai com jeitinho, dizendo que te ama e que você é linda, e não te ganha. Ai ele parte para o plano “B”, sim, as crianças têm um plano “B” e ele é maligno, elas possuem e apelam para a arte do choro e da chantagem. E aí, você cede? Eu não!

Aqui nesse “barraco” tem hora para tudo e “ai” de quem não cumprir as ordens desse pelotão. Aqui tem hora para dormir, para comer, para tomar banho e para tudo mesmo. Pode comer doce? Pode sim, mas na hora certa e não é todo dia. Mas e se pedir? Eu explico que não vai comer e pronto! Pode tomar refrigerante? Pode sim, nos finais de semana, mas se tiver a opção de tomar suco vamos ficar com o suco (quanto menos açucar na dieta de uma criança melhor para a saúde da mesma). Pode dormir mais tarde ou não cochilar a tarde? Pode sim, se caso a família sair de casa e a rotina for alterada, caso contrário, criança deve ir para a cama no máximo até às 22hs.

Às vezes dizem que eu sou “brava” demais, mas isso não importa, porque todo mundo elogia meu filhos e percebe que são crianças saudáveis e felizes, e muito bem educadinhas. Até mesmo o José Miguel, que está para completar 3 meses já entrou na onda, já aprendeu que madrugada é para dormir e não para mamar, que dormir é no berço e não no colo e que se quiser chupar bico não vai ser o bico do peito que vai lhe servir de chupeta, porque peito é para mamar e não para fazer firula!

A Sophia não apanha (não apanha sempre…porque confesso que às vezes dou uma palmadinha nessa bundinha de fralda) mas fica no cantinho para pensar, ela já entende quando faz algo que não devia, e sei que ela não faz por maldade ou por má criação, é apenas curiosidade ou até para chamar a atenção em determinado momento, mas mesmo sendo assim à colocamos para pensar, para refletir e tentamos explicar da forma mais didática possível que aquilo não foi certo. E tem dado resultados.

Mas quando ela quer algo insiste muito, às vezes chora, mas os adultos aqui dessa casa optaram por não ceder às chantagens, damos o nosso melhor para eles, às vezes sinto dó por dizer um não tão firme, mas me seguro, porque quero que ela entenda que ordem e decência são coisas necessárias para uma vida tranquila e equilibrada.

É fácil impor a hora de dormir? Dizer um “não”? Controlar a dieta? Evitar “comidinhas” gostosinhas? Não, não é fácil, é muito mais fácil ceder, é muito mais fácil deixá-los fazer o que eles têm vontade, seria muito mais fácil deixar o José Miguel fazer o bico do peito de chupeta do que ficar ouvindo o choro dele, seria muito mais fácil dar coca-cola para a Sophia todos os dias do que ter que ficar dizendo não enquanto ela me olha com aquela carinha fofinha, mas optei por não ceder. Optei ser a mãe má, a mãe que não tem peso na consciência por querer que os filhos sejam pessoas melhores para esse mundo, não porque eles não tomam coca quando querem, mas porque eles sabem ouvir um não e sabem respeitar a ordem das coisas.

Quero que meus filhos sejam pessoas educadas e controladas, e se para isso eu precisar aguentar um rio de choro (fingido), ser vista como a mãe má, tudo bem…eu não me importo, até porque eu daria a vida por eles…

Anúncios

2 comentários em “Eu sou uma mãe má…quase uma Rochelle!

  1. Imagina Vanessa… isso de forma alguma é ser má mãe. É ser mãe…. e acho que cada uma sabe o que é melhor para seus pequenos. A gente vê uns absurdos aqui e ali, mas no fundo sabemos quando é certo de fato e o errado. Mas não sei se cabe a nós julgar, não é mesmo? Nem os ensinamentos da minha mãe batem com os meus, e olha que ela que em criou…rs. Beijosss!

    Curtir

  2. Como sempre digo, mãe tem q saber dizer não. Não dá p ser amiga e mãe, mas dá p ser uma mãe companheira, carinhosa, atenciosa e dedicada. É uma linha muito tênue, mas está lá.
    Jokas da Mi diiirce

    Curtir

Comente...compartilhe suas ideias também!!! E lembre-se: Comentar não dói e faz uma blogueira feliz!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s