Tudo muda

As mudanças vêm e as lembranças ficam!

Essa semana terminamos a nossa mudança, para vocês que não sabem fomos “despejados” do nosso apartamento anterior porque a proprietária está voltando dos EUA e vai morar lá novamente, então nos vemos obrigado a sair da nossa “zona de conforto” e procurar um outro lugar para ser o nosso lar. Confesso, fiquei apreensiva e com receio de não encontrar um lugar que fosse tão bom quanto aquele, nosso ap era lindinho, pequeno e a nossa cara, mas já não nos cabia mais, afinal hoje somos quatro e duas crianças ocupam muito mais espaço do que se possa imagina, sendo assim, ainda que não tivéssemos sido despejados teríamos que procurar outro lugar com mais espaço.

Começamos todo o processo há praticamente três semanas e só concluímos ontem…rsrs…procuramos procuramos e procuramos, andamos muito e olhamos muitos ap’s mas nada que fosse a nossa cara. Sim, somos “chatos” e não queríamos morar em um lugar que não fosse a nossa cara ou não tivesse jeito de lar, ficamos muito em casa e por isso prezamos aconchego. Quando entramos nesse ap no qual estamos morando senti a mesma sensação que senti há pouco mais de três anos atrás quando conhecemos o ap em que moramos nesses últimos três anos, é tipo uma paixão a primeira vista. Amei tudo, me vi sentada no sofá, cozinhando na cozinha, as crianças brincando e tudo mais, achou muito romântico? O problema é seu, sou romântica sem cura e não escondo isso.

A mudança está feita, estamos apaixonados com nosso novo espaço e está tudo a nossa cara, as crianças tem espaço, minha cozinha tem espaço e tenho uma bela área de serviço (o sonho de toda boa dona de casa…rsrs…) Acontece que alguns dias antes da mudança me peguei pensando em como esses três anos foram bons, em como aquele apartamento nos serviu bem, tenho ótimas lembranças daquele lugar e nunca vou esquecer do que vivi lá.É claro, é só um apartamento, mas nostalgia faz parte da minha essência.

Me pego pensando em como foi bom ver os resultados dos exames de gravidez lá, de como foi gostoso decorá-lo, das sensações que tive ao decorar o quartinho dos meninos, de como foi bom viver lá com meu maridão, de como rimos e de como brigamos naquele lugar. Não é que eu gostaria de voltar para lá, muito pelo contrário, não voltaria mesmo, são só lembranças, que estarão para sempre aqui, o cheiro de lá, o jeito do ar daquele lugar. Foi um momento bom, foi uma fase boa, foi uma etapa importante e acho que é fundamental ter em mente cada uma das fases que passamos, só assim podemos tirar o que houve de bom e mudar o que não foi tão bom.

No mais, estamos super bem instalados por aqui, as crianças estão se divertindo com o espaço, eu me divertindo brincando de casinha nova e o maridão cansadão de tanto carregar mudança (coitado, trabalhou muito mais nas férias do que descansou). Temos uma vista linda da nossa sala, tem uma árvore grandona em frente à nossa sacada. O ar é mais gostoso, não é um bairro central, por isso é menos poluído, a rua é tranquilo, quase não passa carros, caminhão nem se fala, a vizinhança parece ser tranquila, a cozinha é grande (de novo, Vanessa?) e a única coisa que ouvimos quando amanhace são passarinhos cantando. Posso querer mais que isso?

Continuamos sem dinheiro mas mais felizes do que nunca…acredito que isso nos basta!

Anúncios

10 comentários em “As mudanças vêm e as lembranças ficam!

  1. Que bom saber disso! Mesmo que não estivesse nos seus planos mudar agora, papai do céu achou que vcs precisariam expandir…então a boa nova chegou, né? às vezes precisamos de um empurrãozinho pra sair da zona de conforto mesmo. Boa vida nova para vcs!
    (obs: conheço muitas pessoas endinheiradas que não tem nem um fragmento da alegria de viver que vejo em vc! Deus vai expandir nisso tbém, na medida do que for melhor pra vcs!)
    bjs!

    Curtir

  2. Ai, que fofoo. Tambem sou assim Vanessa. Casa tem que a nossa cara, o nosso cheiro. Tem que nos fazer sentir realmente em casa. Parabéns pelo novo lar. Que Deus os abencoe e que sejam mais muitos anos de bons momentos. Beijos!

    Curtir

  3. Oiee,

    Por mais que de trabalho, mudar é sempre bom, né?
    Gosto de sentir as coisas em movimento, ver o novo, sentir aquele medinho do incerto…
    Daqui a pouquinho a casa nova vai estar a sua cara, com o seu jeito e com certeza vcs serão muito felizes por aí tb!!
    Feliz casa nova!! 😉

    Bjos!

    Loreta #amigacomenta
    @bagagemdemae

    Curtir

  4. Vanesssa, sei muito bem sobre o que vc está falando. Nós nos mudamos do primeiro ap. com o meu bebê competando 13 meses. Foram quase 5 anos de historia nesse ap. tantas lembranças que, quase me impediram de ir viver uma vida nova! No dia da entrega das chaves confesso que chorei. Mesmo indo pra um lugar maior e mais legal! Pq a gente é assim hein?! O bom é que a gente se acostuma…mas, o antigo ap vai ter sempre um lugarzinho no coração! 😉

    Curtir

  5. Que o novo lar seja como um livro em branco onde vc, seu marido e suas crianças vão por as cores. Certamente a vida reserva muita emoção boa aí. Sou como você e embora tenha mudado 14 vezes em 11 anos, guardo boas recordações de cada cantinho em que vivi. Beijoca

    #amigacomenta
    Manu

    Curtir

  6. Depois de casada, me mudei três vezes. Nas três, também fiquei cheia de lembranças: “fui muito feliz aqui…” Essa retrospectiva alegre e grata é o que nos faz ser felizes em qualquer lugar…
    Beijos!
    Marusia

    Curtir

Comente...compartilhe suas ideias também!!! E lembre-se: Comentar não dói e faz uma blogueira feliz!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s