Maternidade

Bebê, o novo centro do mundo e o(s) irmão(s) mais velho(s)!

4707932

Aqui nesse mundo que é a nossa casa sempre que uma gravidez se iniciava dava-se início à uma novela chamada: “Aguardando o Centro do Mundo!”. Cada enjôo, cada consulta, cada ultrason, cada mexida, tudo era motivo de parar o que se estava fazendo para atender ao mais novo protagonista das nossas vidas. Primeiro a Sophia foi o nosso “centro do mundo”, muito cedo cedeu o seu espaço de “centro do mundo” com muito carinho ao José Miguel, sem crises, sem ciúmes, sem ataques de histeria. Muito pelo contrário, ela fez parte do início dessa segunda novela, ia a todas as consultas, assistia aos ultrasons, não sei bem o que se passava na cabecinha dela, mas ela o tratou com muito carinho e entendeu que aquele era o momento dele “brilhar”, até porque ela sabia que uma vez protagonista sempre protagonista, ela nunca deixou de brilhar nas nossas vidas, havia apenas chegado em nosso mundo alguém mais indefeso que ela e cabia a ela também ser “protetora” desse alguém, papel que ela cumpre com gosto.

Hoje estamos passando pela terceira etapa da novela, estamos vivendo o nosso terceiro “centro do mundo” com a Maria Flor e cada dia é único, especial, cada novidade, cada coisinha bonitinha que ela faz, cada noite mal dormida. As coisas são iguais mas ao mesmo tempo muito diferentes, mas tem algo que é idêntico, a compreensão da Sophia a respeito da chegada de um bebê. Ela sabe entender que a Maria Flor nesse momento é o ser que mais precisa de atenção e ela sabe também suprir o José Miguel enquanto estamos envolvidos em um banho ou qualquer outra coisa. Ela sabe entender que nem todos os dias poderei fazer as “maria chuquinha” (maria chiquinhas) que ela tanto gosta para ela ir à escola, nem todos os dias poderei ler uma história na hora dela ir pra cama, que ela vez ou outra vai ter que esperar alguns minutinhos a mais para que eu possa fazer a vitamina ou esquentar um leitinho e as atitudes dela são admiráveis, ela me ensina muito. Já ouvi ela mesma dizendo para o José Miguel que “tem que esperar, daqui a pouco a mamãe faz” e isso por um lado me doeu mas por outro me deixou orgulhosa, ela tem crescido e ela sabe dividir qualquer coisa, sabe dividir um doce, um copo de água, um brinquedo e até a “mamãe dela” com os seus outros irmãos, e o melhor não é isso, o melhor é que ela sabe ensinar isso ao José Miguel.

Já ouvi algumas mães dizendo, com lágrimas nos olhos que se sentem culpadas quando não podem atender a um dos filhos por causa de um outro, ou por causa do bebê, que sentiram muito em ter que deixar um filho com outra pessoa enquanto iam para a maternidade, que sentiam muita culpa por não poder atender, em algum momento a um dos filhos e fiquei com muito pesar por essas mães, não pela falta de tempo ou de disponibilidade em atendê-los, mas por elas se sentirem culpadas quanto à isso. Não deve existir culpa nisso, devemos ser intensas na criação e na educação dos nossos filhos e ensiná-los que nem sempre se é o centro do mundo e isso faz parte da vida. Carrego muitas culpas, mas essa não faz parte delas, vejo que a Sophia e o José Miguel são crianças especiais e tenho certeza de que o fato de terem um ao outro e uma irmã mais nova colabora para isso. Eles possuem seus pontos negativos, às vezes se mostram egoístas quanto uma ou outra coisa, mas sabem ouvir e aprender e sabem ir contra essa essência egoísta que todos nós carregamos.

Se você faz questão de vivenciar cada momento importante da vida do seu filho, não se sinta mal em dizer um “agora não posso” quando realmente não puder fazer algo para ele, se ele é importante na sua vida ele sabe disso e uma vez ou outra que tiver que te dividir com alguém não vai fazer com que ele se sinta menos amado ou menos importante pra você. Saiba que isso vai ensiná-lo, que isso vai torná-lo mais forte e confiante, ele vai entender que até para o amor existe o tempo de ser acolhido e o tempo de acolher.

Anúncios

Comente...compartilhe suas ideias também!!! E lembre-se: Comentar não dói e faz uma blogueira feliz!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s