Maternidade

Colares ou pulseiras de âmbar…será?

midnightroundmodel1-243x300

Já faz um tempo que tenho visto algumas mães usando em seus bebês colares e pulseiras de âmbar, sempre achei bem fofinho mas ficava com o pé atrás em relação à segurança dos bebês e se realmente existem benefícios nessa prática. Como boa curiosa que sou, fui atrás de pesquisas e, por coincidência, acabei conhecendo a Thayani, que é do Blog BB Mais Lindo do Mundo e que tem muita experiência no assunto.

Vou contar pra vocês aqui o que aprendi sobre esse material e como me encantei pelo produto. Vem comigo, vem!

O que é o âmbar báltico?

âmbar do báltico é considerado um remédio natural e vem sendo utilizado no mundo todo para aliviar os sintomas associados a dentição do bebê, como febre, inchaço nas gengivas, dificuldades no sono e inquietude.

Eles são há tempos adotados pelas mães na Europa e Estados Unidos, e recentemente começaram a se tornar populares no Brasil (principalmente depois da publicação da foto de Gisele Bundchen com sua filha utilizando o colar).

Qual é a história do âmbar?

Desde os tempos antigos, ao âmbar foi designado o poder de cura.

Utilizado pelos europeus durante séculos, o âmbar é um analgésico natural e tem propriedades que aliviam a dor e reduzem as inflamações. Quando ele se aquece à temperatura do corpo, o ácido succínico é absorvido em pequenas quantidades pela pele, ajudando nas reacções inflamatórias.

Hipócrates (460-377 aC), conhecido como pai da medicina, em suas obras descreveu as propriedades medicinais e métodos de aplicação do âmbar, que foram posteriormente utilizados pelos cientistas até a Idade Média. 

Na Roma antiga, o âmbar foi utilizado como medicamento e como prevenção de diversas doenças. As camponesas romanas usavam medalhões de âmbar não apenas como adorno, mas também como um remédio para “glândulas inchadas e dor de garganta e boca”.

Desde a época da Segunda Guerra Mundial, especialmente na Alemanha, contas de âmbar eram colocadas em bebês para fazer a erupção dos dentes menos dolorosa.

Cientificamente, as contas de âmbar recolhem uma carga eletrostática ao tocar a superfície, diminuindo a oxidação do corpo. É um bioestimulante que tem efeito positivo sobre o sistema nervoso, o coração, os rins e estimula e processos de recuperação.

Como saber se o produto é verdadeiro?

Devido a alta procura pelo acessório, já entraram no mercado brasileiro as réplicas de plástico ou copal, que são produzidas na China. Por isso, desconfie se o preço for muito abaixo do mercado e solicite ao vendedor que faça um dos seguintes testes para comprovar a autenticidade do material:

Teste da água com sal

O âmbar é libertado de uma camada muito profunda do Oceano e é encontrado no mar. Sua densidade faz com que ele boie em água salgada. Para fazer este teste misture 1 parte de sal com 2 partes de água e misture. Coloque uma peça de âmbar na mistura. O âmbar deve flutuar, enquanto o plástico ou copal afundarão.

Teste do solvente

Coloque algumas gotas de acetona ou álcool numa das contas do colar. Se a superfície ficar viscosa, pegajosa ou houver alteração na cor, o material deve ser plástico ou copal. O âmbar não sofre alterações com solventes.

Os colares são encontrados em várias cores, com contas polidas ou não.  Se o âmbar do báltico for verdadeiro, todos os modelos resultam no mesmo efeito.

E sobre os benefícios? São só para os bebês?

BEBÊS E CRIANÇAS

O colar de âmbar para bebês é um anti-inflamatório e analgésico natural, utilizado há séculos na Europa. 

Para bebês e crianças, o colar de âmbar báltico:

   • estimula o sistema imunológico;
   • reduz a inflamação (especialmente nas gengivas);
   • acelera o processo de cura natural;
   • alivia a dor da dentição;
   • proporciona efeitos calmantes, sem o uso de remédios;
   • age como um analgésico natural (reduz ou elimina a dor associada à dentição, dores de cabeça, rigidez articular, etc.);
   • também ajuda a tratar desconfortos relacionados a garganta, ouvidos e estômago, bem como febres e resfriados.

PARA ADULTOS

O âmbar é benéfico para os adultos também! 

Pesquisas científicas recentes revelam que o ácido succínico tem uma influência muito positiva sobre o corpo humano, ajudando a melhorar a imunidade e o equilíbrio de ácidos quando absorvidos pela corrente sanguínea.

O Âmbar Báltico
   • é conhecido por promover vitalidade;
   • auxilia no reequilíbrio e na cura natural;
   • ajuda a neutralizar a energia negativa permitindo ao corpo se curar
   • alivia o stress e ansiedade
   • trata a garganta, estômago, baço, rins, bexiga, fígado e vesícula biliar; 
   • alivia problemas articulares, como artrites e reumatismo; 
   • ajuda no tratamento de tendinites;
   • é um excelente antibiótico natural;
   • fortalece o sistema imunológico.

Importante: para obter os benefícios terapêuticos do âmbar báltico, é necessário que o âmbar esteja diretamente em contato com a pele. 

E a segurança?

  • A criança deve estar sempre sob supervisão de um adulto durante o uso do colar. Recomenda-se que a criança não durma com o colar. Para manter a ação do âmbar durante a noite, o colar pode ser colocado no tornozelo ou pulso do bebê.
  • O colar deve ter entre 30 e 33 cm de comprimento para que dificilmente se prenda à alguma coisa ou seja levado à boca.
  • Entre cada conta deve haver um nó, para que se o cordão romper, apenas uma conta caia.
  • O fecho deve ser de segurança, coberto de âmbar.

Existe alguma regra de uso para obter os benefícios?

Para obter ao máximo os benefícios do âmbar báltico, considere as seguintes formas de uso:

  • O âmbar deve estar em contato contato direto e contínuo com a pele. Os colares devem ser usados por baixo da camiseta, tornozeleiras por baixo da calça, etc.
  • O âmbar deve ser usado o máximo de tempo possível: no caso de bebês menores de 3 anos, os colares devem ser retirados na hora de dormir. Alguns pais gostam de enrolar o colar no tornozelo, por baixo do pijama. Isso faz com que o âmbar esteja em contato com a pele por mais tempo.
  • Utilize a jóia de âmbar mais próxima ao local onde deseja seu efeito. Para desconforto na cabeça ou pescoço, prefira o colar. No caso de dores, artrites ou tendinites no pulso, mãos ou braços, utilize uma pulseira. No caso de desconforto nos pés ou pernas, prefira utilizar uma tornozeleira. Para alívio dos sintomas da dentição do bebê, o colar trará mais benefício do que a pulseira.

Se gostou e se interessou é só conferir os produtos na lojinha do blog BB + Lindo do Mundo
Venha conhecer e curtir também a página no facebook: https://m.facebook.com/bbmaislindo
Instagram: http://i.instagram.com/bbmaislindo/

Anúncios

Um comentário em “Colares ou pulseiras de âmbar…será?

  1. Com certeza terão benefícios quem usar o Âmbar Báltico. Vale tanto para os bebês quanto para adultos. É uma riqueza milenar e 100% natural e sem contra indicação!

    Curtir

Comente...compartilhe suas ideias também!!! E lembre-se: Comentar não dói e faz uma blogueira feliz!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s